A Honda Bros 2010 Mix com muitas novidades


A Bros apresenta o sistema MIX, a primeira aplicação dessa tecnologia numa moto on-off road no mundo.

Vários aspectos foram alterados no funcionamento do sistema para essa aplicação. A começar pelo sensor de oxigênio que ganhou amplitude nas suas medições pois conta com um aquecedor para vaporizar a mistura não queimada, ainda nas primeiras explosões, na partida a frio e assim poder programar cada um dos quatro mapas de injeção.



Mapa 1 – para funcionar com gasolina pura;
Mapa 2 – para funcionar com mistura de até 50% de gasolina;
Mapa 3 – para funcionar com predominância de álcool na mistura;
Mapa 4 – para funcionar com álcool puro.

Outras modificações
No bico injetor foram adicionados mais dois furos, oito no total para fazer frente ao aumento do fluxo de combustível no caso do álcool.

Não foi adicionado tanque auxiliar de gasolina como há nos automóveis para a situação extrema de frio, por isso é necessária uma proporção de pelo menos 20% de gasolina para o funcionamento em temperaturas abaixo de 15ºC. Além disso, quando acontece uma pane seca o sistema se inicia automaticamente com um mapa que necessita de pelo menos 50% de gasolina no tanque para uma partida satisfatória, pois leva algum tempo para o resultado da queima com o novo combustível na mistura ser interpretado pelo sensor.

Vários detalhes foram adicionados como a modificação do revestimento protetor das peças em contato com o combustível, tela anti-chama no bocal do tanque e a adição de um filtro adicional de combustível para reter impurezas menores, que podem atrapalhar o funcionamento do bico e estão presentes no álcool como um fino resíduo da operação das usinas.

Para o controle do funcionamento do sistema MIX foram adicionadas duas lâmpadas no painel, com os dizeres MIX e ALC. Quando estão as duas apagadas isso quer dizer que o mapeamento está adequado ao combustível utilizado. Se a MIX acender é necessário adicionar pelo menos dois litros de gasolina para o sistema estabilizar, se ALC acender, isso quer dizer que necessita três litros de gasolina e se esta luz, ao ligar a ignição piscar é a indicação de que há um alto teor de álcool no tanque e que a temperatura ambiente está muito baixa, resultando em partida difícil.

Limite de emissões
estabelecido pelo PROMOT 3
NXR 150 Bros Mix
Gasolina
Diferença
Álcool
Diferença
CO (monóxido de carbono)
2,0 g/km
0,845 g/km
- 57,8%
0,696 g/km
- 65,2%
HC (hidrocarbonetos)
0,8 g/km
0,140 g/km
- 82,5%
0,159 g/km
- 47%
NOx (óxido de nitrogênio)
0,15 g/km
0,042 g/km
- 72%
0,036 g/km
- 76%

O motor, derivado da Titan é o já consagrado OHC de 149,2 cm3 e seu índice de emissões fica bem acima do limite estabelecido e o resultado em performance é no álcool 14 CV e na gasolina 13,8 CV em 8000 rpm. Seu torque fica em 1,53 Kgf-m no álcool e em 1,39 Kgf-m com gasolina, sempre medindo em 6000 rpm.

Fonte: Motonline

0 comentários:

Postar um comentário

Seguidores

© Line Motos | Tudo Sobre Motos

Desenvolvido por: Open Master